Feliz 120 anos, BH!

historia-drogaria-araujo-3

No 120º aniversário de Belo Horizonte, a Araujo celebra a história de uma amizade de infância que virou amizade para a vida inteira!

Quando o jovem balconista Modesto abriu a primeira Araujo, em 1906, Belo Horizonte era uma criança. Mas já tinha a Praça da Liberdade, o bonde, a Praça da Estação, o Parque Municipal e até a sua primeira farmácia com plantão 24 horas, porque seu Modesto dormia no fundo da loja para atender a cidade de madrugada.

Rua da Bahia 1974

O tempo foi passando, Belo Horizonte foi crescendo, e a Araujo também. Juntas, descobriram que era hora de ter o primeiro telemarketing do Brasil. Impossível não se lembrar daqueles Fuscas amarelos do Drogatel.

Publicidade do Drogatel da década de 1970.
Publicidade do Drogatel da década de 1970.

Pouco tempo depois, a vida da cidade foi ficando corrida. A Araujo acompanhou o ritmo e foi a primeira drogaria a oferecer serviço drive thru. A essa altura, a cidade queria ganhar o mundo. E por isso ganhou da Araujo, olha só: a primeira drugstore do país.

Fachada da matriz da Araujo na Rua Curitiba.
Fachada da matriz da Araujo na Rua Curitiba.

111 anos depois, não dá pra imaginar a história da Araujo sem Belo Horizonte. E não dá pra imaginar Belo Horizonte sem a presença da Araujo. Mas não é sempre assim com os amigos de infância?

Feliz 120 anos, BH.

Assista a outros filmes históricos da Araujo no nosso canal no Youtube.

Compartilhar:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *